Entre Céus e Poesia
Versos suspensos na aurora das manhãs
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
ContatoContato
LinksLinks
Textos


 
 



     TECENDO ENCANTOS


     Os versos que me levam
     voam n'alvorada
     no inverso do reflexo
     espelhos da min'alma

     Saudade – um toque inteiro pleno de esperança (...)
     Nas entrelinhas rimo & sinto
     que aqui no infinito
     o vento é a contradança

     E posso enveredar no abraço a minha calma
     [...] e o sol que no meu íntimo o lindo mar
     exalta!

     E vou tecendo sonhos: tardes & lembranças

     Nas ondas de um sorriso
     o paraíso –
     aberto ao céu que encanta!

 
Entre céus e poesia
Enviado por Entre céus e poesia em 27/06/2015
Alterado em 13/07/2015
Copyright © 2015. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.